19 de abr de 2011

Estudo indígena na sala de aula

Contexto Legal:

Lei 11.645, sancionada no dia 10 de março deste ano, obriga as escolas brasileiras a incluírem a história e a cultura indígena em seus currículos. Com a modificação da lei 10.639 de 2003, que incluía a história e cultura afro-brasileira no currículo escolar do país, a História e cultura indígena também deverão estar presentes nas salas de aula brasileiras. A lei 11.645, sancionada pela Presidência da República em 10 de março deste ano, torna obrigatório o ensino desses dois conteúdos para alunos do Ensino Fundamental e Médio, tanto de escolas públicas como privadas.

Pela lei, os assuntos serão ministradores no âmbito de todo o currículo escolar, mas, em especial, nas disciplinas de Educação Artística, Literatura e História do Brasil.

Desde 2003, as escolas vem se preparando para o ensino da cultura e historia afro-brasileira. .

Fonte: HP TV CENTRO AMÉRICA NEDAL :: Núcleo de Estudos e Debates sobre a América Latina

Com relação ao ensino da história e cultura indígena, a escolha sobre a forma de abordagem dos temas depende da realidade de cada escola. "Depende do projeto pedagógico da escola. Se for um projeto multidisciplinar, a abordagem não será em disciplinas, mas por temas de estudo. Se o projeto for disciplinar, será melhor trabalhar por temática específica para aprofundar o conhecimento", orienta a coordenação, por meio da assessoria de imprensa.

A história e cultura afro-brasileiras, africanas e indígenas são componentes curriculares a serem incluídos em todas as disciplinas, especialmente naquelas destacadas pela legislação - educação artística, literatura e história.

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx